E-commerce aposta em SMS como canal de atendimento

E-commerce aposta em SMS como canal de atendimento

Hoje, dia 3 de dezembro, o SMS (Short Message Service) está completando 20 anos desde o seu primeiro envio. O software foi criado na Inglaterra, em 1992, pela empresa de telecomunicações Vodafone. A intenção inicial eras fornecer um serviço como melhoria do “paging” (bibe), sendo um canal de contato entre executivos e suas secretárias.

Criado para executivos

Mas o envio de torpedo revolucionou a história das telecomunicações e se difundiu para todo lugar onde exista um celular. Hoje, a primeira queda do serviço de SMS veio com os aplicativos de mensagem gratuita, instalados nos smartphones. Ainda assim, o torpedo é a preferência quando se trata de recados no trabalho e, recentemente, vem sendo utilizado no atendimento ao cliente no comércio eletrônico.

Atendimento personalizado

Atualmente, o Brasil passa por uma fase positiva em sua economia, pois o comércio está aquecido, as classes C e D estão em ascensão e as plataformas digitais em crescimento. Por isso, mais do que nunca é necessário se investir em atendimento ao cliente.
E as lojas do comércio eletrônico estão aderindo ao sistema de envio de SMS para seus clientes. Empresários do setor afirmam que não se trata de um canal de comunicação efetivo, mas sim de extrema agilidade praticidade.

E-commerce aposta em SMS como canal de atendimentoTipo de informação do torpedo

Segundo empresas especializadas no envio de mensagens móveis, o SMS funciona como um registro de processos de compra. Grande parte das informações contidas no torpedo é sobre o andamento do pedido, situação de entrega, envio de login e senha, agradecimento de compra e além de respostas do consumidor, que são enviadas diretamente ao SAC.
É importante salientar que o SMS não é um canal oficial, como e-mail ou telefone, mas sim uma forma dinâmica de acessar a maioria dos usuários.

Fonte: Metanálise

Veja artigos relacionados

Comentários (0)

Deixe o seu comentário!